|

X

Até finais de Outubro, a UE continua a dar provas na expoisção universal de que está na vanguarda das tecnologias urbanas do futuro.

 

Apesar de ir só a meio, a EXPO de Xangai, a primeira exposição universal fora da Europa em que a UE participa, já atraiu 37 milhões de visitantes. Muitos procuram informações sobre o desenvolvimento urbano sustentável, ou seja, sobre o futuro de mais de metade da população mundial. Com efeito, uma em cada duas pessoas, já vive em cidades ou centros urbanos e esta tendência è crescente.

 

Nos últimos três meses, inspirando-se no lema 2Melhores cidades, melhor qualidade de vida", no seu pavilhão conjunto com a Bélgica, a UE tem dado a conhecer a milhões de visitantes (cerca de 30 000 por dia) a visão europeia do que serão as metrópoles sustentáveis do futuro. Graças a uma visita virtual em 3-D, os visitantes ficarão a par das iniciativas da UE na área da protecção do ambiente e do clima.

 

As tecnologias ambientais são não penas um nicho com futuro, mas também um importante produto de exportação e, para o sublinhar, o Comissário europeu do Comércio, Karel de Gucht, participou em Xangai, em finais de Julho, nas "Jornadas do Comércio". Para a Europa, a China representa o mercado de exportação com mais rápido crescimento. Em 2009, a UE exportou mercadorias no montante de 82 mil milhões de euros para o Império do Meio.

 

Sob o tema "Uma Europa mais verde para um mundo mais verde", realizar-se-á, em Setembro, uma reunião em que participarão especialistas chineses e europeus para debaterem uma cooperação mais estreita na área do desenvolvimento urbano.

 

A par das principais manifestações sobre o futuro das nossas cidades, os visitantes da EXPO poderão, nos próximos três meses, viver de perto eventos sobre a cultura europeia. Durante o Festival de Ópera, que terá lugar no início de Setembro, os músicos europeus recriarão no pavilhão da UE a atmosfera dos teatros de ópera europeus. De seguida, durante a Noite das Artes Europeias, no mês de Outubro, jovens artistas de toda a Europa irão converter o pavilhão europeu num grande palco de ar livre.

 

Mais informações:

EU @ Shangai 2010

Pavilhão Conjunto da Bélgica e da União Europeia na Expo Xangai 2010